dailymotion-domain-verification-bf8367051eadca91-dmebea1o8ssgrxz1l Jacir Holowate: 5 de Agosto de 2010 stat counters

Audiencia do site

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Como vencer as barreiras psicológicas? Livre-se da Auto-sabotagem.

Barreiras psicológicas existem e não podem ser ignoradas. E, sinceramente, já existem desafios suficientes para você ficar sendo refém de si mesmo.
A palavra certa é Auto-sabotagem. Tenho certeza que muitos de vocês que acompanham meu blog e lêem meus livros, portanto, todos sabem exatamente o que fazer para conquistar uma mulher! Nem sempre…
Acontece que a prática apresenta alguns desafios específicos. Se você está tendo qualquer tipo de problema com mulheres, e não consegue identificar o que nas técnicas, leia este post.
Sabe a hora que você está conversando com aquela gata maravilhosa? Quando você percebe que ela está brincando com o cabelo, sorrindo bastante, tocando o próprio corpo e o seu também? Aquele momento que você identifica que ela está a fim de você e que provavelmente vai rolar um beijo?
E ai quando você percebe tudo isso entra em pânico.

Começa a falar coisas sem sentido, suar demais, agitar o corpo, fica estabanado, nervoso, etc. Ou, ficamos tão empolgados com a vitória se aproximando que tentamos pular alguns passos.
Isso é a auto-sabotagem. Normalmente não percebemos quando ela está chegando. E aí para completar a situação você fica agoniado por que sabe o que tem que fazer, mas começa a ter dúvidas se vai dar certo, se faz ou não faz, aí meu amigo, o circo já está formado.
Vou contar um pouco da minha história…
Imaginem vocês, eu, um cara novo, nem muito bonito, nem muito feio, um nariz desagradável, tímido, pouco confiante e cheio de dúvidas.
No dia que descobri as técnicas de sedução eu já sabia que tinha achado a solução para todos os meus problemas. Então, estudei. Li e reli. Falei comigo mesmo no espelho como o livro mandava. Me arrumei. Juntei toda a coragem e o desespero para arranjar alguém e sai de casa.
Logo a primeira garota que eu conversei estava num grupo de amigos em comum, era de se esperar que já que ela era co-conhecida seria mais fácil. E foi mesmo, ela estava bebendo e acho que isso pode ter influenciado. Mas, o fato era que em pouco tempo ela já estava toda solta comigo.
Então aquela sensação de euforia tomou conta de mim e na hora do beijo eu esbarrei na mesa e derrubei um copo de cerveja em cima dela. Era um vestido branco curtinho, ela estava linda demais.
Imediatamente ela foi para o banheiro preocupada com a roupa, demorou meia hora; eu fiquei muito sem graça e quando ela voltou trocamos mais algumas poucas palavras, mas nada aconteceu. Eu tinha a garota na mão e quebrei o clima. Essa foi minha primeira noite com as técnicas.
No dia eu estava feliz por que as técnicas funcionavam e eu estava melhorando, mas ao mesmo tempo chateado por ter tido tanto azar. Caramba! Não era justo! Bem na hora que eu ia conseguir pegar uma gata? Justo naquela hora o destino tinha que me prejudicar?
Não é que eu não sabia que o copo de cerveja estava lá e que podia cair se alguém balançasse a mesa com força. Eu só esbarrei na mesa sem querer!
Isso é tão sério que até Freud escreveu sobre isso no artigo “Os que Falham ao Triunfar”. Algumas pessoas não conseguem usufruir a satisfação de uma conquista. No fundo eu não acreditava que era merecedor daquela mulher.
É a mesma coisa que você se preparar meses para uma apresentação no trabalho e justo no dia esquecer o pendrive em casa.
O primeiro passo é refletir se seus medos tem algum fundamento. Analise, pense friamente, neste momento evite o máximo de emoções e sentimentos. Se você encontrar alguma razão para temer então busque uma solução estudando as técnicas. Se não, siga seu caminho feliz. E toda vez que essa sensação se aproximar relaxe e faça as coisas com calma.
É importante se conscientizar e entender que as conseqüências são devido aos seus atos e não azar ou destino. Assuma responsabilidade sobre seus atos.
A lição é procure se conhecer mais, muitos acham isso pouco importante, mas é essencial que você tenha plena consciencia de quem é você. Por que quanto melhor você se conhecer mais confiante vai ser. Já vimos que confiança é a chave para sedução.
Faça isso hoje! Hoje é segunda feira, dia internacional de começar alguma coisa. Todo mundo quando vai começar alguma coisa diz “na segunda eu começo”. Bom, hoje é segunda. Primeiro dia da semana, primeiro dia útil do mês, primeiro dia útil do segundo semestre.
Outra boa dica é estabeleça uma meta com início e final. Por exemplo, comece hoje a estudar e determine que até dezembro você estará profissional em seduzir mulheres, e trace um plano para isso.
Grande abraço.

Bad Romance

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Caught in a bad romance
Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Caught in a bad romance

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Rama-ramama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Want your bad romance

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Rama-ramama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Want your bad romance

I want your ugly
I want your disease
I want your everything
As long as it's free
I want your love
Love, love, love I want your love


I want your drama
The touch of your hand
I want your leather-studded kiss in the sand
I want your love
Love, love, love I want your love
(Love, love, love I want your love)

You know that I want you
And you know that I need you
I want it bad, your bad romance

I want your love and
I want your revenge
You and me could write a bad romance
(Oh-oh-oh--oh-oooh!)
I want your love and
All your lover's revenge
You and me could write a bad romance

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Caught in a bad romance
Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Caught in a bad romance

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Rama-ramama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Want your bad romance

I want your horror
I want your design
'Cause you're a criminal
As long as your mine
I want your love
(Love, love, love I want your love)

I want your psycho
Your vertigo stick
Want you in my rear window
Baby your sick
I want your love
Love, love, love
I want your love
(Love, love, love I want your love)

You know that I want you
('Cause I'm a freak bitch baby!)
And you know that I need you
I want a bad, bad romance

I want your love and
I want your revenge
You and me could write a bad romance
(Oh-oh-oh-oh-oooh!)
I want your love and
All your lover's revenge
You and me could write a bad romance

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Caught in a bad romance
Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Caught in a bad romance

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Rama-ramama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Want your bad romance

Walk, walk fashion baby
Work it
Move that bitch c-razy

Walk, walk fashion baby
Work it
Move that bitch c-razy

Walk, walk fashion baby
Work it
Move that bitch c-razy

Walk, walk passion baby
Work it
I'm a freak bitch, baby

I want your love
And I want your revenge
I want your love
I don't wanna be friends

J'veux ton amour
Et je veux ton revanche
J'veux ton amour
I don't wanna be friends
Oh-oh-oh-oh-oooh!
I don't wanna be friends
(Caught in a bad romance)
I don't wanna be friends
Oh-oh-oh-oh-oooh!
Want your bad romance
(Caught in a bad romance)
Want your bad romance!

I want your love and
I want your revenge
You and me could write a bad romance
Oh-oh-oh-oh-oooh!
I want your love and
All your lovers' revenge
You and me could write a bad romance

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Want your bad romance
(Caught in a bad romance)
Want your bad romance

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Want your bad romance
(Caught in a bad romance)

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Rama-ramama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Want your bad romance

Romance Ruim

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Presa em um romance ruim
Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Presa em um romance ruim

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Roma-romama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Quero o seu romance ruim

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Roma-romama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Quere o seu romance ruim


Eu quero a sua feiura
Eu quero a sua doença
Eu quero o seu tudo
Enquanto é de graça
Eu quero o seu amor
Amor, amor, amor, eu quero o seu amor

Eu quero o seu drama
O toque da sua mão
Eu quero um beijo seu couro cravejado na areia
Eu quero o seu amor
Amor, amor, amor, eu quero o seu amor
(amor, amor, amor, eu quero o seu amor)

Você sabe que eu quero você
E você sabe que eu preciso de você
Eu quero seu ruim, seu romance ruim

Eu quero o seu amor e
Eu quero sua vingança
Você e eu poderiamos escrever um romance ruim
(Oh-oh-oh--oh-oooh!)
Eu quero o seu amor e
A vingança da sua amante
Você e eu poderiamos escrever um romance ruim

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Presa em um romance ruim
Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Presa em um romance ruim

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Roma-roaama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Quero o seu romance ruim

Eu quero o seu horror
Eu quero o seu estilo
Porque você é um criminoso
Enquanto você for meu
Eu quero o seu amor
(Amor, amor, amor, eu quero o seu amor)

Eu quero sua insanidade
Sua vara vertiginosa
Quero você na minha janela traseira
Baby você doente
Eu quero o seu amor
Amor, amor, amor
Eu quero o seu amor
(Amor, amor, amor, eu quero o seu amor)

Você sabe que eu quero você
(Porque eu sou uma vadia livre, baby!)
E você sabe que eu preciso de você
Eu quero um ruim, romance ruim

Eu quero o seu amor e
Eu quero sua vingança
Nós poderiamos escrever um romance ruim
(Oh-oh-oh--oh-oooh!)
Eu quero o seu amor
E a vingança da sua amante
Você e eu poderiamos escrever um romance ruim

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Presa em um romance ruim
Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Presa em um romance ruim

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Roma-romama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Quero o seu romance ruim

Ande, ande na moda baby
Vamos!
Deixe a vadia louca

Ande, ande na moda baby
Vamos!
Deixe a vadia louca

Ande, ande na moda baby
Vamos!
Deixe a vadia louca

Ande, ande paixão baby
Vamos!
Eu sou uma vadia diferente, baby

Eu quero seu amor
E eu quero a sua vingança
Eu quero o seu amor
Eu não quero que ser amigos

Eu quero seu amor
E eu quero a sua vingança
Eu quero o seu amor
Eu não quero que sejamos amigos
Oh-oh-oh-oh-oooh!
Eu não quero que sejamos amigos
(Presa em um romance ruim)
Eu não quero que sejamos amigos
Oh-oh-oh-oh-oooh!
Quero o seu romance ruim
(Presa em um romance ruim)
Quero o seu romance ruim!

Eu quero o seu amor
Eu quero sua vingança
Você e eu poderiamos escrever um romance ruim
Oh-oh-oh--oh-oooh!
Eu quero o seu amor
E a vingança da sua amante
Você e eu poderiamos escrever um romance ruim

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Quero o seu romance ruim
(Presa em um romance ruim)
Quero o seu romance ruim

Oh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh-oooh-oh-oh-oh!
Quero o seu romance ruim
(Presa em um romance ruim)

Rah-rah-ah-ah-ah-ah!
Roma-romama-ah
GaGa-ooh-la-la!
Quero o seu romance ruim

Dados sigilosos de alunos que se inscreveram no Enem vazam

Por algumas horas, os dados de mais de 12 milhões de estudantes que se inscreveram no exame nos últimos três anos ficaram disponíveis na internet. Uma auditoria vai investigar o caso.
imprimir

Dados sigilosos de 12 milhões de estudantes que se inscreveram no Exame Nacional de Ensino Médio nos últimos três anos ficaram desprotegidos, na terça, por pelo menos três horas, na internet.

O problema ocorreu no sistema de informações do Enem na internet, por onde as faculdades que utilizam o exame no processo de seleção acessam dados dos candidatos com uma senha.

O que aconteceu foi que, durante algumas horas, qualquer pessoa que entrasse no endereço eletrônico usado pelas universidades tinha acesso aos dados do Enem, sem nenhuma restrição.

Informações sigilosas sobre alunos inscritos nos últimos três anos ficaram disponíveis. Dados de mais 12 milhões de pessoas: nome, carteira de identidade, CPF, data de nascimento, nome da mãe e a inscrição do candidato.


Este foi apenas mais um problema. No ano passado, o Enem foi cancelado e depois remarcado por causa do vazamento das provas. Meses depois, houve divulgação errada dos gabaritos.

Para o Inep, órgão responsável pelo Enem, o problema não afeta a credibilidade do exame.
O acesso aos dados foi bloqueado e uma auditoria vai apurar o caso.

“Foi uma fragilidade do sistema e a gente está vendo a dimensão da fragilidade pra poder resolvê-la”, declarou Joaquim José Soares Neto, presidente do Inep.

O especialista em segurança da informação, professor Ricardo Puttini, alerta que o acesso a dados pessoais é sempre um risco.

“Podem eventualmente fazer uma compra para gerar um boleto ou fazer uma ação que gere prejuízo pra alguém e esse alguém, na hora em que for procurar, vai responsabilizar a pessoa errada, que não tem nada a ver com a história”.